Fileira do azeite investe 1,3 milhões numa rede social semelhante ao Facebook


Criar uma “espécie” de rede social para nela depositar toda a informação técnica da fileira do azeite é uma proposta da Associação de Olivicultores de Trás os Montes e Alto Douro (AOTAD) candidatada a fundos europeus. A proposta visa juntar investigadores da AOTAD, Universidade de Trás os Montes e Alto Douro, Instituto Politécnico de Bragança e Instituto Jean Piaget.


O projecto ronda 1,3 milhões de euros sendo designado por OlivaTMAD e foi já candidatado a uma iniciativa do PRODER, designada por “redes temáticas” destinada a vários sectores agrícolas.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da AOTAD, António Branco, disse que a plataforma informática em muito se assemelha as redes sociais, onde os elementos técnicos serão colados on-line pelos técnicos envolvidos nas mais diversas investigações da olivicultura.

“O projecto funcionará como uma espécie de rede social do azeite, à semelhança do Facebook, ou outras redes, onde os produtores poderão inserir elementos olivícolas relacionados com as suas explorações”, exemplificou o dirigente.

O responsável acrescentou ainda que uma das “vantagens” da iniciativa é saber a quantidade e qualidade azeite produzido na região, “o que para já não é possível”, porque nem sempre os dados apresentados pelos diversos organismos são convergentes”.

“Sempre que seja feita uma análise a um lote de azeite produzido em determinada região associada a AOTAD, os dados serão colocados na rede para se perceber a média da qualidade do produto”, acrescentou.

O comprador ao saber a qualidade do azeite ou da azeitona, poderá entrar num plataforma de negociação com o produtor.

Esta rede terá três níveis de utilizadores destinada os associados da AOTAD, investigadores e aos compradores e vendedores na área da olivicultura.

“A grande vantagem do novo projecto é a de estar permanente informado sobre um sector importante para a economia nacional”, concluiu António Branco.

Fonte: Lusa




Partilhar

Comentários