Somos amistosos e curiosos, inteligentes e irreverentes, engraçados e atarefados, brincalhões e trapalhões, optimistas e saudosistas, pensativos e cognitivos, ingénuos e ténuos, divertidos e vividos, sabichões e amigalhões, honestos e lestos, vaidosos e afectuosos, empenhados e assanhados, extravagantes e acutilantes, compreensivos e objectivos, sociáveis e admiráveis, distraídos e agradecidos, orgulhosos e atenciosos, pacatos e sensatos. Mas... o que gostamos mesmo... é do Movimento Novos Rurais!

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Tavira com Candidatura da Dieta Mediterrânica a património mundial.

Xarém, polvo e peixes vários, conquilhas e amêijoas, atum de várias maneiras, bom pão, carne de porco e caça, vinho, azeitonas e azeite. Estes são alguns dos elementos – os mais apetitosos e visíveis – da Dieta Mediterrânica algarvia, cuja candidatura da contribuição portuguesa a Património Cultural Imaterial da UNESCO é representada em Portugal pelo Município de Tavira.

A Dieta Mediterrânica é mais do que aquilo que se come, é um estilo de vida das populações do sul da Europa e Norte de África, constituído por sistemas e técnicas produtivas, formas de alimentação, de convívio e celebração coletiva que representam múltiplas expressões do Património Cultural Imaterial.

Os estudos nutricionais comparativos têm confirmando as qualidades preventivas da Dieta Mediterrânica em diversas doenças, nomeadamente cardiovasculares.
É bom viver no Algarve.

Sem comentários:

Enviar um comentário