Somos amistosos e curiosos, inteligentes e irreverentes, engraçados e atarefados, brincalhões e trapalhões, optimistas e saudosistas, pensativos e cognitivos, ingénuos e ténuos, divertidos e vividos, sabichões e amigalhões, honestos e lestos, vaidosos e afectuosos, empenhados e assanhados, extravagantes e acutilantes, compreensivos e objectivos, sociáveis e admiráveis, distraídos e agradecidos, orgulhosos e atenciosos, pacatos e sensatos. Mas... o que gostamos mesmo... é do Movimento Novos Rurais!

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Desertar da cidade e vir viver para o campo



A cidade deixou de ser uma garantia do paraíso terrestre, munida de todos os acessos ao bem-estar.
Mudar de vida é um sonho para muitos portugueses que querem contrariar a tendência de fuga para as grandes cidades. A ideia de viver no campo, trocar o litoral pelo Interior, foi a opção de um casal de repórteres fotográficos de Espinho, que vive agora numa aldeia a oito quilómetros de Bragança.

O bem-estar é uma escolha. Tome as decisões certas.
E VOCÊ... AINDA VIVE NAS GRANDES CIDADES?

Sem comentários:

Enviar um comentário