Somos amistosos e curiosos, inteligentes e irreverentes, engraçados e atarefados, brincalhões e trapalhões, optimistas e saudosistas, pensativos e cognitivos, ingénuos e ténuos, divertidos e vividos, sabichões e amigalhões, honestos e lestos, vaidosos e afectuosos, empenhados e assanhados, extravagantes e acutilantes, compreensivos e objectivos, sociáveis e admiráveis, distraídos e agradecidos, orgulhosos e atenciosos, pacatos e sensatos. Mas... o que gostamos mesmo... é do Movimento Novos Rurais!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Portugueses abandonaram as terras.


Portugueses abandonaram as terras. Produção agrícola é mínima.

França, Alemanha e Reino Unido são os grandes produtores europeus.


Portugal é dos países a União Europeia (UE) com menor produção agrícola: tem uma parcela de apenas 0,4% nos cereais e de 2,6% no leite, segundo dados hoje divulgados pelo Eurostat. 

Em Portugal produziu-se, em 2010, 0,8% do queijo da UE. No que respeita à produção de carne, a de aves representa 2,4% do total europeu, seguida pela de porco (1,7%) e de bovino (1,2%). 

França é o principal produtor de cereais, com uma fatia de 23%, de carne avícola (14%) e de bovina (19%), estando a Alemanha e o Reino Unido entre os três grandes na maioria das categorias, que incluem também a produção de queijo e de carne suína, revelam os números do gabinete de estatísticas da UE. 


Fonte: Rádio Renascença


Sem comentários:

Enviar um comentário