Escola com abordagem budista dá lições de vida sustentável

Escola tailandesa
Os estudantes da escola introduzem uma vida sustentável na vida de suas comunidades

A escola primária na Tailândia. Panyaden é uma escola particular bilíngue com abordagem budista e acomoda 375 estudantes, sendo que quase 20% deles são crianças locais, financiadas por bolsas de estudo. Os alunos se formam embaixadores que irão introduzir uma vida sustentável em suas comunidades.

A Escola Panyaden tem por objetivo oferecer uma educação holística que integra princípios budistas e consciência ambiental com o altamente considerado Curriculum Primário Internacional. Alguns dos temas abordados são sabedoria tradicional, métodos agrícolas, estudo de vegetação das florestas tropicais, tecelagem, culinária, entre outras atividades.
Localizada em um terreno de cinco mil metros quadrados, ao sul da cidade de Chiang Mai, a escola se encontra nos arredores de um antigo pomar, onde as montanhas mais altas da Tailândia se encontram com os campos planos de arroz. Assim os arquitetos optaram por construir um arranjo informal de pavilhões organizados ao longo de caminhos, inspirados em uma forma orgânica.
O partido do projeto foi a criação de edifícios a partir de elementos da terra e formas que são uma homenagem à beleza da natureza. Foram adotadas técnicas de permacultura, utilizando materiais locais como a terra e o bambu.
Existem dois tipos de edifícios principais, um abriga as salas de aula e o outro diversas funções, como sala de reunião e refeitório. O pavilhão das salas de aula tem paredes de taipa, dividindo o edifício em três salas. As paredes externas são feitas de adobe. As janelas de vidro são emolduradas por madeiras recicladas locais, enquanto garrafas de vidro e janelas de máquina de lavar roupa trazem luz natural à sala de aula. Armários e prateleiras estão todos integrados em uma parede de adobe curva em torno do bloco sanitário. Os contornos curvos da estrutura do telhado de bambu espelham as montanhas no horizonte.
Já no outro edifício multifuncional, as colunas são constituídas de feixes de bambu, as fundações são de pedra e a cobertura também é feita de bambu, o que dá a sensação de caminhar por uma floresta majestosa.
As outras salas - projetadas e criadas por pessoas locais (parque infantil, em torno da piscina, sala de Buda, etc.) se assemelham a pássaros ou folhas. Todos os projetos são inspirados a partir de elementos encontrados na natureza e na vida diária tailandesa.
Todo o projeto foi construído a partir de terra e bambu local que têm sido, naturalmente, tratados para suportar os elementos. Vegetais orgânicos e arroz também são cultivados na propriedade.
Ali, as águas residuais são tratadas e dos restos de alimentos é feita a compostagem para produzir fertilizantes orgânicos e biogás para cozinhar. A pegada de carbono desta escola é praticamente zero.
Via: Exame


Comentários